Doutrina

Porque batizar em nome do Senhor Jesus Cristo?

Paulo diz: “Assim que já não sois estrangeiros, nem forasteiros, mas concidadãos dos santos, e da família de Deus; edificados sobre o fundamento dos apóstolos e dos profetas, de que Jesus Cristo é a principal pedra da esquina” Efésios 2:19 – 20. Se somos então edificados neste fundamento, não deverá ser o nosso Evangelho o mesmo Evangelho que eles pregaram? Não ensinamos como os apóstolos ensinaram? Não faremos como eles fizeram concernente à inteira doutrina da salvação?
Certamente, pois Paulo disse em Gálatas 1:8: Mas ainda que nós, ou mesmo um anjo vindo do céu vos pregue evangelho que vá além do que vos tenho pregado, seja anátema.

Os apóstolos batizaram somente em nome do Senhor Jesus Cristo

Examinaremos os relatos dos serviços batismais registrados na Santa Palavra de Deus. O Espírito Santo descendo sobre os 120 no cenáculo. A multidão se aproximou bruscamente e foi convencida do fato de que este grupo de pessoas tinha recebido algo real de Deus, algo que eles também necessitavam. A resposta de Pedro aos corações sinceros e famintos quando perguntaram: “Que faremos?” Foi a seguinte:

“Arrependei-vos e cada um de vós seja batizado no nome de Jesus Cristo para a remissão dos pecados e recebereis o dom do Espírito Santo. ” Atos 2:38

“Então os que aceitaram a Palavra foram batizados, havendo um acréscimo naquele dia de quase três mil pessoas.” Atos 2:41

(Referências: Atos 1:15; 2:1-8, 38, 41)

quem diz que a razão pela qual Pedro lhes ordenou que fossem batizados no Nome de Jesus, é porque eram judeus e o batismo serviria para que confessassem a Jesus Cristo. Vejamos porém, a casa de Cornélio e os membros de sua família, e aqui novamente encontramos a Pedro ordenando que se batizassem no Nome do Senhor. Atos 10:47 – 48. Se Pedro tivesse errado no dia de Pentecostes, certamente haveria tido bastante tempo para se corrigir antes que fosse à casa de Cornélio. Estaria Pedro errado no dia de Pentecostes? Quando eles ficaram comovidos,“eles disseram a Pedro e ao resto dos apóstolos. . .”Atos 2:37. Isto inclui a Mateus quem escreveu o livro de S. Mateus (Mateus 28:19). Também Atos 2: 14 vemos Pedro levantando-se com os onze. Mateus estava lá, porém não encontramos palavras de correção da parte dele. Por que? Jesus disse em João 17: 6: Manifestei o teu nome aos homens que do mundo me deste; eram teus e tu mos deste. “Edificados sobre o fundamento dos apóstolos e dos profetas, de que Jesus é a principal pedra de esquina”. Efésios 2:20. Em lugar nenhum encontramos que eles batizaram repetindo as palavras:” Em Nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo.” Pelo contrário, eles apenas batizaram em nome do Senhor Jesus Cristo; eles cumpriram a ordem do Senhor em Mateus 28:19. Pois ali Jesus não indicou aos apóstolos que usassem estas palavras como uma fórmula. Ele ordenou o batismo usando o Nome. Filipe foi a Samaria e pregou-lhes Cristo (Este povo não era judeu, mas samaritano). Eles prestaram atenção à mensagem que ele entregou. “Ouvindo os apóstolos que estavam em Jerusalém, que Samaria recebera a Palavra de Deus, enviaram-lhe Pedro e João; os quais descendo para lá oravam para que recebessem o Espírito Santo; porquanto não havia descido ainda sobre nenhum deles, mas só haviam sido batizados em Nome do Senhor Jesus – Atos 8:15 -17. Cornélio era um homem justo e temia a Deus com toda a sua casa. Ele viu em uma visão um anjo que lhe disse para mandar chamar a Pedro em Jope, o qual lhes diria as palavras pelas quais poderiam ser salvos. Quando ele declarou a grande verdade, que “Por meio do Nome de Jesus todo que Nele crê recebe remissão de pecados”, o Espírito Santo caiu sobre todos que ouviram a palavra e eles falaram em línguas como fizeram os apóstolos no dia de Pentecostes. Então Pedro respondeu:

Porventura pode alguém recusar água para que não sejam batizados estes que, assim como nós, receberam o Espírito Santo? E ordenou-lhes que fossem batizados em Nome do Senhor.

Atos 10: 47

A palavra vem ao profeta

“Certamente o Senhor Jeová não fará coisa alguma, sem ter revelado o seu segredo a seus servos, os profetas” – Amós 3:7

Cada vez que Deus tem falado Sua Palavra, o fez através de um profeta. Sempre foi assim. Esta é uma verdade comprovada por toda Escritura.
Enoque foi um profeta do tempo antediluviano. Deus lhe falou Sua Palavra, e ele falou de eventos que ainda estão por acontecer. Enoque falou da Segunda Vinda do Senhor quando ainda faltavam vários séculos para a primeira se realizar. Logo, três gerações depois de Enoque, Deus levantou Noé, a ele falou da situação espiritual do mundo, mandou que fabricasse uma arca e lhe deu a mensagem sobre o iminente juízo do dilúvio. Quando chegou o tempo de Deus libertar a Israel do jugo egípcio, Ele levantou a Moisés e lhe falou Seu plano, e pôs em Moisés a Palavra para aquela época. Assim Moisés chegou a ser a boca de Deus para o povo. Ele foi o instrumento pelo qual Deus falou Seus mistérios e Sua vontade. Depois que o povo de Israel se estabeleceu na terra que o Senhor havia prometido, Deus enviou profetas para corrigir o povo. Entre eles esteve o grande profeta Samuel, sendo o último dos juízes, e quem ungiu o primeiro rei de Israel.
E assim muitos outros como Elias, Isaias, Jeremias, Amós, Daniel. Estes homens como profetas tiveram a Palavra de Deus para suas respectivas épocas. Eles falaram em nome do Senhor, a mensagem para seu dia. Esta é a maneira que Deus estabeleceu segundo as Escrituras para falar ao seu povo.

Eis que vos envio o profeta Elias antes que venha o dia grande e terrível do Senhor – Malaquias 4:5. E Jesus respondendo disse-lhes: Em verdade Elias virá primeiro e restaurará todas as coisas – Mat. 17: 11

Esta é a restauração tão ignorada por este mundo religioso enriquecido por suas conquistas materiais. É o sinal em que podemos concluir o tempo em que estamos vivendo e a proximidade da vinda do Senhor, pois as Escrituras dizem:
O qual convém que o céu contenha até os tempos da restauração de tudo, dos quais falou Deus pela boca de todos os santos profetas desde o princípio. Atos 3:21.
Este profeta Elias anunciado para esta era, já esteve na terra com sua mensagem restauradora, porém a maioria ignora tal acontecimento; portanto se repetiu o mesmo caso que sucedeu com João Batista, o precursor da primeira vinda do Senhor.

“Mas nos dias da voz do sétimo anjo, quando tocar a sua trombeta, se cumprirá o segredo de Deus, como anunciou aos profetas seus servos.” Apocalípse 10:7

Esta é uma profecia cumprida, pois os mistérios de Deus têm sido consumados através do ministério do irmão William Marrion Branham, ainda que muitos o ignorem.

William Marriom Branham

O irmão Branham condenou tenazmente a imoralidade da mulher, a qual tem chegado a ser o centro da corrupção nesta geração.
Os judeus estavam esperando Elias no tempo quando João se apresentou; não o receberam como profeta mesmo estando vindicado pelas Escrituras. Por causa das interpretações que tinham não receberam nem a João e nem a Cristo. Hoje tem acontecido o mesmo ; a história tem se repetido, porque as Escrituras anunciam um mensageiro antes da grande tribulação, para preparar o povo do Senhor para o arrebatamento. Deus cumpriu Sua promessa enviando o profeta desta era, mas o mundo religioso de hoje não o recebeu. Porém, como no passado houve aqueles que creram em João e receberam a Cristo -a Palavra – hoje também tem aqueles que são ovelhas predestinadas por Deus para ouvirem Sua Voz através de Seu profeta e estes estão se alimentando e se preparando com sua mensagem.


Livretos para Baixar

photo30

Baixe os livretos

Nestes livretes falta-nos espaço para transcrever a abundante vindicação por parte de Deus ao ministério que sem dúvida alguma é o Profeta de Deus a esta decadente geração.

Caso queira mais esclarecimentos, nos comunique através do formulário abaixo